Share this

sábado, outubro 28, 2006

MIGUEL SOUSA TAVARES - Plágio???!!!

Não creio que o Miguel Sousa Tavares seja pessoa para plagiar o que quer que seja, considero-o uma pessoa extremamente inteligente e lúcida para o não fazer, até porque conhecedor, como é, da lei e de tudo o que envolveria uma acusação de plágio, seria como estar a armar a sua própria forca.

Outra coisa seria, eventualmente, ele ter consultado o livro e daí ter tirado um facto ou uma passagem histórica, à semelhança do que fazem muitos outros escritores.

Não li o Freedom at Midnight e nem sequer sei se a tradução feita pelos autores do FreedomToCopy será a mais correcta.

Pessoalmente não acredito mas, não pondo em causa a verdade ou a mentira sobre o plágio de que o Miguel Sousa Tavares é acusado, o blog FreedomToCopy tem, seguramente, um objectivo: denegrir a imagem de MST e de um sucesso de edição como tem sido o “Equador”, iniciando consequente e simultaneamente, uma manobra publicitária que, quiçá, só irá favorecer a editora de Freedom at Midnight, já que o “Equador” continua a ser um sucesso de vendas.

Outra coisa completamente diferente é a forma como MST ataca a Blogosfera, nomeadamente os autores anónimos. Ora o anonimato é, por assim dizer, a génese da blogosfera que tem o êxito que todos conhecem, com milhões de bloguistas por todo o mundo, porque temos a prerrogativa de expormos livremente as nossas ideias de forma anónima. Por exemplo, de outra forma eu própria não teria este blog.

Se plagiamos um excerto, um parágrafo ou um termo de um livro, é porque gostamos da forma ou do conteúdo do que nele vem escrito. Logo, ao plagiarmos, estamos a elevar e elogiar aquilo que alguém lá escreveu.

Ora bem, que me perdoem o Letras com Garfos e a Bomba Inteligente, por onde passo muitas vezes, vou plagiá-los:

«Meu caros, a coisa é fácil de resolver: comprem os dois livros e verifiquem “in loco” a veracidade do caso. Mas por amor de Deus, não nos façam de parvos: se um blogue anónimo diz a verdade, não é por ser anónimo o blogue que a verdade deixa de o ser. Tenham lá paciência »

4 comentários:

100 Sentidos disse...

Este parece ser o assunto do momento!
Como já referi anteriormente, a ser verdade parece-me bastante grave que assim seja, isto porque o que o dito blog lá publicou parece ser uma mera tradução, sem qualquer espécie de adaptação. Mas isso não impede que Equador seja um livro fabuloso e brilhantemente conseguido.
Quanto a MST não cai nas minhas boas graças quer seja um génio ou um mero plagiador.
Não gosto dele e mais nada. Já a mãe, Sophia de Mello Breyner é que é!!!

Miguel disse...

Estou de acordo com o teu "plágio" ...!

Bjks da Matilde

Pela Grei disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pela Grei disse...
Este comentário foi removido pelo autor.