Share this

quinta-feira, janeiro 04, 2007

O intruso

Quem conhece Lagos, sabe que no final da Avenida dos Descobrimentos, o que resta de uma antiga fábrica “O Algarve Exportador”, é uma enorme chaminé de tijolo, habitualmente ocupada por um ninho de cegonhas.

Talvez pelo cansaço de uma longa viagem ou por apartamento se encontrar devoluto, um abrupto, perdão, um abutre, resolveu fazer do ninho o seu leito de descanso e, ao final da tarde, olhava imponente lá do alto, para a linda cidade a seus pés.

Vá-se lá saber porquê, as forças de intervenção desta cidade, não sei se por medo que a chaminé caísse com o peso do animal, ou se por ordens de quem percebe destas coisas, tentaram a todo o custo, usando todos os meios ao seu alcance (escadas Magirus, falinhas mansas ou ameaças – não sei porque não assisti à conversa) que o bicho dali saísse.

Perante o olhar estupefacto de dezenas de pessoas que assistiam ao insólito espectáculo, o abutre, extremamente incomodado por mais dois possíveis inquilinos num espaço tão diminuto, bateu asas e voou para outras, mais calmas, paragens.

Podem ver, em 2 takes, os videos um bocadinho manhosos :

  1. O abandono do lar ocupado
  2. O voo do adeus
Aqui ficam as fotos que foi possível tirar.

6 comentários:

Maria Vinagre disse...

Uma bela reportagem.
Mas não são os cucos que costumam roubar os ninhos? Ou por os cuquinhos a chocar em ninho alheio...
Está muito bonito! Gostei! Principalmente da gaffe do nome do bicho! ;)

Bjinhos

kuka disse...

Talvez tenham sido a pedido dos inquilinos, porque o apartamento não está devoluto. Tenho visto por lá o casal de cegonhas. Mas gostava de ter assistido a essa cena.

kuka disse...

Ressalvo: Tenha.

June disse...

Obrigado pelos comentários Maria Vinagre (adorei a foto de família no teu blog) e Kuka (que tal vão os cozinhados?).
Bjs.

homoclinica disse...

Obrigada por me mostrar essas imagens de Lagos, que já não vejo desde Agosto.
E que bela oportunidade ter filmado os bicharocos! Muito giro!

Rafeiro Perfumado disse...

Sem dúvida uma ordem de despejo accionada pelas cegonhas! Ou então são os abutres que começam a sentir o que aí vem, se a economia não melhorar! ;)